Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

Estudo mostra que comer mais durante ? noite n?o significa engordar mais



03/02/2006
A alimenta??o noturna sempre foi considerada prejudicial para os indiv?duos que pretendem perder peso ou que n?o querem ganhar mais um grama. Estudo realizado na Universidade de Ci?ncia e Sa?de de Oregon, nos Estados Unidos, coloca essa tese, pelo menos por enquanto, em d?vida.



Os cientistas, que publicaram seus resultados na edi??o atual do peri?dico Obesity Research, analisaram durante um ano o comportamento de 16 f?meas do macaco rhesus, modelo considerado ideal para o entendimento metab?lico tamb?m do ser humano. Al?m de observar quanto os primatas comiam, a pesquisa tamb?m identificou quando ocorria a maior ingest?o de alimentos.



Depois das observa??es, os pesquisadores foram surpreendidos por duas constata??es. A primeira delas ? que os macacos que ingerem mais calorias ? noite n?o ganharam mais peso do que aqueles com prefer?ncia por uma refei??o mais cal?rica durante o dia.



A outra surpresa foi a aus?ncia de correla??o encontrada entre ingest?o cal?rica e ganho de peso. N?o necessariamente o macaco que comia mais engordou mais. Foi detectado, tamb?m, uma grande diferen?a, em termos quantitativos, entre a alimenta??o diurna e noturna.



Enquanto alguns macacos consumiram ? noite apenas 6% das calorias di?rias, outros ingeriram 64%. Esses n?meros, afirmam os autores do estudo, podem ser comparados aos dados registrados para os seres humanos. Estudos anteriores mostram que ? noite, entre os homens, a quantidade m?nima de calorias chega aos 24% e a m?xima aos 65%.



O artigo Evidence in female rhesus monkeys (Macaca mulatta) that nighttime caloric intake is not associated with weight gain, de Elinor L. Sullivan, Alejandro J. Daniels, Frank H. Koegler e Judy L. Cameron, pode ser lido no site da Obesity Research, em www.obesityresearch.org.







Fonte : Ag?ncia Fapesp - 03/02/2006



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 436 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)