Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

Ato Médico: médicos dizem, em reunião com Padilha, porque lei deve ser sancionada



05/07/2013
A lei do Ato Médico foi o assunto tratado em reunião realizada nesta quarta-feira (3), no Ministério da Saúde, entre o ministro Alexandre Padilha e representantes dos profissionais de saúde. No encontro, o presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Roberto d`Ávila, explicou que a lei não estabelece reserva de mercado para os médicos, nem é intenção da categoria impedir a atuação dos demais profissionais de saúde. "O que está havendo é um problema de interpretação da lei. O que defendemos é que o diagnóstico das doenças e a prescrição dos tratamentos seja uma prerrogativa do médico", afirmou.

O presidente do CFM foi o último a falar na reunião. O ministro Alexandre Padilha anotou as sugestões feitas pelas demais entidades e as ponderações do CFM, mas não se posicionou. Além de contra-argumentar todas as observações feitas pelas demais entidades, o CFM, que também estava representado pelo 1º vice-presidente da entidade, Carlos Vital, entregou ao ministro um documento com o posicionamento da classe médica.

Roberto d´Ávila acredita que a presidente Dilma sancionará a lei. "Pelo bem da população brasileira, acreditamos que o governo manterá o texto aprovado no Senado", argumenta.

Durante a reunião, médicos e estudantes de medicina de Brasília se concentraram em frente do Ministério da Saúde, num ato público que pedia a sanção do Ato Médico e contra a importação, sem revalidação, dos médicos estrangeiros.
Fonte : CFM



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 1093 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)