Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

CFM apoia construção da sede própria da FENAM, em Brasília


Foto: Taciana Giesel
CFM apoia construção da sede própria da FENAM, em Brasília
A partir de outubro, os médicos receberão em suas casas, junto com o jornal do CFM, uma carta dos presidentes da FENAM, do CFM e da AMB sobre a campanha de arrecadação da sede própria da entidade.


20/06/2013
O presidente da Federação Nacional dos Médicos, Geraldo Ferreira, se reuniu na tarde desta quarta-feira (19), em Brasília, com o presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Roberto D´Avila, para debater questões administrativas que envolvem as duas entidades. Entre os pontos de destaque estava o pedido da FENAM para que o Conselho auxilie no envio de 470 mil cartas aos médicos brasileiros orientando sobre a construção da sede própria da Federação.

O projeto, contará com um apoio simbólico dos médicos, no valor de R$ 50. O apoio de CFM será garantir que os médicos recebam esta correspondência com a campanha de contribuição. "A partir de outubro, os médicos receberão em suas casas, junto com o jornal do CFM, uma carta dos presidentes da FENAM, do CFM e da AMB solicitando a compreensão e a ajuda financeira nesta arrecadação. O valor é simbólico e se todos contribuírem, em pouco tempo concluiremos a construção que além de ser a sede da nossa entidade, será a casa dos médicos brasileiros," destacou Ferreira.

"Uma sede própria é fundamental. Os médicos precisam entender que a sua entidade o representa e é o espelho da categoria. Precisamos de sindicatos fortes e a FENAM, que representa todas os sindicatos médicos, necessita de uma sede que seja o reflexo da importância da profissão médica. Penso que todo médico deve contribuir e nós do CFM seremos parceiros desta ideia," afirmou o presidente do Conselho, Roberto D´Avila.

Comissões Conjuntas

Outro assunto abordado foi a continuidade da representação da FENAM nas Câmaras Técnicas e Comissões do CFM, essencial para abordar temas sobre Saúde Pública, Saúde Suplementar, Urgência e Emergência e assuntos políticos relacionados à área da saúde.

O presidente da FENAM solicitou que a mesma logística continue a ser adotada nos próximos três meses – tempo necessário para que a entidade faça um estudo aprofundado para definir quais comissões são mais relevantes para a representatividade da FENAM nos debates.

Em entrevista à Radio FENAM, o presidente do CFM, Roberto D´Avila, abordou os temas e ainda comemorou a aprovação do ato médico no Senado Federal na última terça-feira (18). Confira!
Fonte : Taciana Giesel



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 759 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)