Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

PL 4522/12 que define regras para carimbos de profissões é destaque da CAP


Foto: Divulgação/FENAM
PL 4522/12 que define regras para carimbos de profissões é destaque da CAP
Napoleão Salles: "...é preciso rever os critérios de avaliação desse projeto e discutir, melhor, todas as propostas".


03/12/2012
A última reunião da Comissão de Assuntos Políticos - CAP - tratou de alguns Projetos de Lei argumentados pelas entidades médicas (FENAM, CFM e AMB). O que ficou decidido, dentre eles, e que vai para agenda parlamentar é o Projeto de Lei 4522/2012 da Deputada Federal Nilda Gondim (PMDB/PB) o qual tem o objetivo de definir regras para a fabricação de carimbos de profissões regulamentadas em lei, haja vista a grande quantidade de carimbos fraudulentos que têm se espalhado em todo o país, trazendo sérios prejuízos aos verdadeiros detentores de diversas carreiras.

O projeto propõe ainda que os carimbos só poderão ser confeccionados com a apresentação da carteira de exercício profissional e cuja cópia deverá ser armazenada no estabelecimento. Waldir Cardoso, coordenador da CAP, diz que outros profissionais que têm as suas inscrições devidamente registradas também são afetados, como advogados, engenheiros e arquitetos. "Na maioria das vezes o profissional não tem ciência da fraude e tudo isso causa um transtorno desnecessário, vamos com certeza apoiar a deputada".

O Projeto de Lei 4638/2012 , do Deputado Federal Eleuses Paiva (PSD/SP) foi outro ponto discutido pela Comissão. O mesmo dispõe sobre a implantação de critérios de avaliação das escolas e dos estudantes de Medicina. "Este projeto é de extrema importância, precisamos ter instrumento de avaliação das escolas médicas, pois infelizmente a condição de ensino no nosso país não está em um nível desejado para garantir a população uma medicina de qualidade", afirma Cardoso.

Um dos assuntos principais discutidos e que tem bastante relevância é o Projeto de Lei 399/2011 de autoria do Senador Roberto Requião (PMDB/PR) que altera a Lei de Diretrizes e Bases da educação, para dispor sobre a revalidação e o reconhecimento automático de diplomas oriundos de cursos de instituições de ensino superior estrangeiras de reconhecida excelência acadêmica.

O assessor parlamentar da CAP, Napoleão Puente Salles, em entrevista à Rádio FENAM, explica as consequências desse projeto, caso seja aprovado. "Quem vai dizer se o curso de determinado país tem uma excelência reconhecida acadêmica? é preciso rever os critérios de avaliação desse projeto e discutir, melhor, todas as propostas para que ele seja modificado, ou até mesmo rejeitado", desabafa.

A CAP tem se empenhado nas propostas de revalidação tanto na Câmara quanto no Senado. Uma audiência pública com os interessados contrários e a favor do PLS N° 399/2011 será realizada em breve para aprimorar o relatório do Senador Cristovam Buarque. "É uma matéria polêmica, a audiência deve estar prevista para fevereiro do ano que vem -2013- e todas as Entidades Médicas estarão presentes defendendo os seus pontos de vista".

A próxima reunião da Comissão será dia 20 de dezembro, na sede da Associação Médica de Brasília (AMBr).
Fonte : Viviana Lira



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 1235 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)