Sindicatos Médicos:

 
Você não está logado
Entrar | Cadastrar

Curitiba sedia evento sobre a saúde feminina



02/03/2009
A capital paranaense será palco do Especial Saúde da Mulher, de 10 a 12 de março de 2009. O maior encontro sobre saúde feminina já realizado no Brasil ocorre no Expo Unimed Curitiba, com expectativa de receber aproximadamente mil profissionais da saúde, além de mais 800 participantes de outros setores. Haverá simpósios paralelos nas áreas de cardiologia, medicina intensiva, nutrição, enfermagem obstétrica, endometriose, oncologia feminina, saúde reprodutiva e osteoporose. A programação científica tem a supervisão da ginecologista Carla Vanin, da Universidade Federal das Ciências da Saúde de Porto Alegre, da cardiologista Solange Bordignon, do Instituto de Cardiologia de Porto Alegre, e da enfermeira Maria Edutania Castro, do Hospital de Clínicas de Curitiba, Universidade Federal do Paraná.

Atualmente, mulheres cada vez mais jovens são afetadas por doenças como o câncer de mama. Diagnósticos antes típicos dos homens, como infarto do miocárdio, já fazem parte do histórico delas. Os males femininos, causados principalmente pela dupla jornada de trabalho, estresse, maus hábitos e falta de lazer, estarão em debate no evento entre médicos e profissionais de saúde.

Mais de 20 renomados especialistas das regiões sul e sudeste do Brasil ministrarão palestras e discutirão, por exemplo, fatores que afetam o coração das pacientes. Cerca de 53% das brasileiras acima dos 50 anos sofrem de doenças cardiovasculares e os principais motivos são o estresse e a depressão, que podem ser combatidos com hábitos saudáveis. Entre os assuntos do Simpósio de Cardiologia destaque para Terapia Hormonal e o Impacto Cardiovascular, Mudanças de estilo de vida e prevenção cardiovascular e Cardiopatia e Gestação.

O Simpósio de Nutrição tratará de questões relevantes para o público feminino como A importância da alimentação nas fases da vida da mulher, Nutrição e Estética, Libido e Alimentos Afrodisíacos, Dietas da moda e as evidências científicas.

Outra constante preocupação do sexo feminino merecerá atenção especial: a infecção urinária. O transtorno acomete mais as mulheres porque o canal da uretra delas é mais curto. Normalmente, a contaminação ocorre quando bactérias da flora intestinal entram no canal e se instalam na bexiga. O problema ganhará espaço no Simpósio de Saúde Reprodutiva. Também comum entre as jovens e adultas, a TPM - Tensão Pré-menstrual, será amplamente abordada no encontro.

No Simpósio de Endometriose, médicos de São Paulo e do Paraná se dedicarão, em 16 encontros paralelos, às causas e aos tratamentos da anormalidade caracterizada pelo crescimento de células do endométrio em áreas onde não deveriam se desenvolver, como em torno do útero ou ao redor do ovário. A miniconferência "Endometriose e Câncer. Existe relação?" promete atrair a atenção dos ginecologistas.

Da mesma forma, a osteoroporose será minunciosamente debatida. A moléstia que descalcifica os ossos atinge mais mulheres do que homens. Para cada homem com ossos fracos, existem duas mulheres na mesma situação. Os ossos femininos são naturalmente mais frágeis. Além disso, há outros fatores que as deixam mais vulneráveis. Durante a gravidez e a amamentação, há perda de cálcio, o principal ingrediente de um esqueleto forte. A menopausa, por sua vez, acelera o decréscimo de massa óssea. Por isso, um dos tópicos do Simpósio de Osteoporose terá como tema Osteoporose na linha do tempo: o que muda ao longo da vida.

Muitos males graves que colocam a vida da mulher em risco receberão destaque no evento. O Simpósio de Medicina Intensiva discutirá, além de outros itens, Trauma na Gestante e Choque Séptico. Já o Simpósio de Oncologia terá capítulos dedicados separadamente ao Câncer de Mama, Câncer do Colo do Útero, Câncer de Pele, Câncer de Pulmão e Câncer de Cólon.

Figuram no conjunto de matérias do Simpósio de Enfermagem Obstétrica, Atenção Multidisciplinar à Gestante: Diretrizes e iniciativas em prol do parto natural e Aleitamento materno.

Para o público em geral, fica o convite para participar do Fórum da Comunidade, no dia 12, das 15h30min às 20h30min. Adolescentes, jovens, adultas e idosas podem se inscrever gratuitamente para participar de palestras, que abordarão temas como O Coração da mulher: diferenças que fazem diferença, Efeitos do tabagismo na mulher, Infertilidade e a importância da mudança no estilo de vida. Médicos especialistas darão dicas de prevenção e esclarecerão as dúvidas da platéia.

O evento é aberto à comunidade e ao público científico: médicos, profissionais da saúde e acadêmicos nas áreas da Cardiologia, Ginecologia e Obstetrícia, Oncologia, Dermatologia, Mastologia, Reumatologia, Ortopedia, Enfermagem, Nutrição, Fisioterapia, Psicologia e Educação Física. A programação completa do Especial Saúde da Mulher pode ser conferida no site www.especialsaudedamulher.com.br.


Fonte : Acontece Comunicação



Avalie este conteúdo
Se você achou esse conteúdo interessante deixe seu voto clicando no botao "gostei". Os conteúdos melhor avaliados ficam em destaque para os outros usuários.


Este conteúdo tem 1498 visitas

Para votar, você precisa estar logado no site.


Comentários


Deixe seu comentário






Digite as letras que você vê na imagem ao lado:



Interatividade
Nossos canais na Web 2.0
 
Informativo eletr�nico
Cadastre-se e receba por email as not�cias da









Caso seja mais de um amigo, separe os emails por vírgula.

Para votar, você precisa estar logado no site.


Desenvolvimento: RBW Comunicação |
© Federação Nacional dos Médicos - FENAM (2008)